Navegação

Meditação


Meditação Grupal da Lua Cheia - Esboço

MEDITAÇÃO: DEIXANDO A LUZ ENTRAR

I - FUSÃO GRUPAL. Afirmemos a realidade da fusão grupal e sua integração no centro cardíaco do Novo Grupo de Servidores do Mundo, que é o mediador entre a Hierarquia e a Humanidade:

Sou uno com meus irmãos de grupo e tudo que tenho é deles. Que o Amor que há em minha alma derrame sobre eles. Que a força que há em mim se erga e os ajude. Que os pensamentos que minha alma cria os alcancem e os encorajem.

II - ALINHAMENTO. Projetemos uma linha de energia iluminada para a Hierarquia Espiritual do Planeta, o coração planetário, o Grande Ashram de Sanat Kumara; e para o Cristo no coração da Hierarquia.

Estendamos a linha de luz para Shamballa, o centro onde a vontade de Deus é conhecida.

Permaneçamos como grupo na periferia do Grande Ashram, a Hierarquia, receptivos às energias extraplanetárias agora disponíveis.

III - INTERVALO SUPERIOR. Enfocados na Luz da Hierarquia, o centro cardíaco planetário, mantenhamos a mente contemplativa pronta para receber a Luz e o Amor, buscando manifestá-los na Terra.

IV - MEDITAÇÃO. Reflitamos sobre a nota chave:

Utilizar a nota chave corresponde ao signo do zodíaco

V - PRECIPITAÇÃO. Utilizando a imaginação criativa, visualizemos as energias de Luz, Amor e Vontade para o Bem fluindo por todo o Planeta e sendo ancoradas na Terra nos centros preparados no plano físico, por meio dos quais o Plano pode se manifestar. (Utilizemos a sêxtupla progressão do Amor Divino, seguindo a precipitação de energia: de Shamballa à Hierarquia, ao Cristo, ao Novo Grupo de Servidores do Mundo, aos homens e mulheres de boa vontade em qualquer parte do mundo, e aos centros físicos de distribuição).

VI - INTERVALO INFERIOR. Enfoquemos novamente a consciência, como grupo, na periferia do Grande Ashram e juntos afirmemos:

No centro de todo Amor, permaneço. Desse centro, eu, a alma, surgirei. Desse centro, eu, aquele que serve, trabalharei. Que o Amor do Divino Ser seja derramado por toda parte, em meu coração, em meu grupo e em todo o mundo.

Então, de acordo com nossa compreensão e responsabilidades aceitas, visualizemos o trabalho imediato a ser feito, para estabelecer o “Caminho de Luz” para a chegada do Cristo.

VII - DISTRIBUIÇÃO. À medida que entoamos a Grande Invocação, visualizemos o fluxo de Luz, de Amor e de Poder, fluindo da Hierarquia Espiritual para as cinco entradas planetárias: Londres, Darjeeling, Nova York, Genebra e Tóquio, iluminando a consciência de toda a raça humana:

A GRANDE INVOCAÇÃO

Do ponto de Luz na Mente de Deus
Flua luz às mentes dos homens.
Que a Luz desça à Terra.

Do ponto de Amor no Coração de Deus
Flua amor aos corações dos homens.
Que o Cristo volte à Terra.

Do centro onde a vontade de Deus é conhecida
Guie o propósito as pequenas vontades dos homens –
O propósito que os Mestres conhecem e a que servem.

Do centro a que chamamos raça dos homens
Cumpra-se o Plano de Amor e Luz.
E que ele vede a porta onde mora o mal.

Que a Luz o Amor e o Poder restabeleçam o Plano na Terra.

OM OM OM

Início